Graffiti: sua velocidade, seu tempo, seu público

Maria Cecília Rais Barbosa

RESUMO

Este trabalho propõe a reflexão do graffiti como obra artística e como manifestação. As transformações ocorridas em suas formas de apresentação, geradas pela velocidade com que capta a realidade que lhe é imediata, própria a seu tempo, ao seu público e seu contexto.

Numa perspectiva de registro e leitura do graffiti local, os valores a que remete centralizam nossas reflexões na questão da comunicação e da arte na cidade, para o entendimento das motivações, influências e, principalmente, a criatividade de que estão prenhes em seu nível estético.

ABSTRACT

This work proposes a reflection on the graffiti as an artistic work and manifestation. The changes occurring in their forms of presentation, generated by the speed with which it captures the reality that is immediate, to its own time, audience and context.

In terms of recording and reading of local graffiti, the values referring to centralize our reflections on the issue of communication and art in the city, to understand the motivations, influences, and especially the creativity that are pregnant in their aesthetic level.

Download (PDF) | Visualizar Artigo